website metrics Pensamentos: Maio 2007

quarta-feira, maio 30, 2007

Personalidade Genética


Hoje descobri que o ADN pode ter personalidade. Testei a minha.
Ou será apenas mais um quiz?

segunda-feira, maio 28, 2007

Jornalismo e Jornalistas

A propósito da crónica de Miguel Sousa Tavares, no Expresso, (quem não leu devia ter lido) vale a pena ver o comentário de Carlos Narciso.

quarta-feira, maio 23, 2007

Tudo o que fica por fazer

É uma palavra estranha, ainda, aquela que percorro sem pensar. De repente o mundo parou para contemplar cada gesto, cada sorriso, cada suspiro de vida.
O tempo é um ciclo. O objectivo termina para recomeçar em breve. Para trás ficam os livros sempre adiados, jornais empilhados já fora do prazo, posts que nunca hei-de escrever. Toda a vida, cada pedaço dela, se resume a uma terna e doce contemplação.
Deixo-me embalar nesse ritmo, talvez frenético, talvez pausado, sempre encantador.

sexta-feira, maio 18, 2007

Pormenores

É um cliché - eu sei. Mas são os pormenores que fazem a diferença.

domingo, maio 13, 2007

"Deus deu-lhe um dom."

Nuno Luz (jornalista da SIC) sobre Cristiano Ronaldo


Ao contrário do que ditam as boas práticas jornalistícas, sobre este facto, Deus nunca foi ouvido. O jornalismo é, cada vez mais, uma questão de fé.

sexta-feira, maio 11, 2007

Vende-se

segunda-feira, maio 07, 2007

Estranhas relações

abertura do Jornal da Noite, SIC
6 de Abril' 2007

domingo, maio 06, 2007

Mudança de rumo

Mal ganhou as eleições, mounsieur Sarcozy piscou o olho ao outro lado do Atlântico. No discurso de vitória, novo presidente francês disse que os "amigos americanos" podem contar com a sua amizade e que "a França estará sempre ao seu lado quando eles precisarem".
A França vira as costas à Europa para rumar a novas amizades.

quinta-feira, maio 03, 2007

165 anos depois

CENA 1 – INT/DIA
Museu Anatómico da Escola Médico-Cirúrgica de Lisboa
1 de Outubro de 1867. O catedrático com uma dezena de alunos está junto a um armário de madeira onde estão alinhados grandes frascos cilíndricos. Vêem-se vísceras e fetos. Vai apontando.
Catedrático
Passamos à zona da patologia criminal… Diogo Alves, criminoso célebre, dispensa apresentações. Sentenciado a 19 de Fevereiro de 1841.
(Mostra o último frasco)
Francisco de Matos Lobo… Sentenciado, fez em Julho 25 anos… (pega no frasco com cuidado e poisa-o na mesa) Foi a minha primeira dissecação.
Estudantes trocam olhar cúmplice com expressão trocista.
Catedrático
Observem. Nesta zona fibrosa, acima do meato auditivo, distingue-se perfeitamente a dissociação cerebral que origina a patologia criminosa.
Pega no ponteiro e passa para um quadro grande, pendurado na parede, que representa pormenorizadamente o cérebro humano.
Catedrático
Segundo o tratado de Franz Gall, a predominância da região dos instintos animais em relação à dos sentimentos morais é um dos sintomas cruciais na indução do crime.
Estudante 1
Não há mais enforcados, Professor?
… Quer dizer, depois de 1842…

Catedrático
(saudosista) Infelizmente não. O Francisco de Matos Lobo foi o último condenado à morte… e provocou uma celeuma tal!
(…)
"O Último Condenado à Morte"
um filme de Francisco Manso, escrito por António Torrado
Começa hoje a ser rodado em Castelo de Vide